Infecção de ferida operatória: cuidados

  1. Orientar gestantes de que não se deve realizar depilação, próximo ao parto (devido à ocorrência de micro fissuras). No momento do parto, os pêlos são aparados com tricotomizador.
  2. Cefazolina 2g iv dose única, no momento da indução anestésica. Correr em bureta, ou administrar em bolus.
  3. Degermação da parede abdominal anterior, e região púbica, com escova e sabão, imediatamente antes da cirurgia.
  4. Antissepsia com clorexidine alcoólico.
  5. Cesáreas (tanto as eletivas, como aquelas realizadas após início do trabalho de parto) e partos vaginais são classificados como cirurgias potencialmente contaminadas (devido à abertura de mucosa). Cesárea eletiva não é classificada como cirurgia limpa.
  6. Manter curativo oclusivo por 24 a 48 horas após a cirurgia (período necessário para impermeabilização da ferida).

 

Clinical practice guidelines for antimicrobial prophylaxis in surgery.
Bratzler DW et al. Am J Health Syst Pharm. 2013 Feb 1;70(3):195-283.